domingo, 13 de setembro de 2009


BROMELINA


Bromelina é o complexo enzimático de proteinases extraído dos vegetais da família Bromeliaceae, do qual o abacaxi é o mais conhecido e rico nesta protease, que é encontrada no fruto, talo, caule, folhas e raízes.
. Complexo enzimático este, que tem sido usado nas preparações farmacêuticas industriais, como cápsulas digestivas, antinflamatório (WEN et al., 2006), no bloqueio à invasão dos macrófagos por Salmonela typhimurium (POSCHET et al., 1999), em pacientes com retocolite ulcerativa (KANE, 2000), queimaduras de 3º grau e na inibição de células cancerígenas (HALE, 2005). Destacam-se a bromelina do talo (E.C. 3.4.22.32), ananaina (E.C. 3.4.22.31), comosaina e a bromelina do fruto (E.C. 3.4.22.33).

O abacaxi (Ananas comosos) por longo tempo tem sido a fruta não cítrica mais popular nos países tropicais e sub-tropicais, principalmente pelo seu atrativo sabor e aroma, além do refrescante balanço açúcar-ácido que possui, o que certamente, determinou sua importância sócio-econômica. Além dessas características, é fonte da enzima proteolítica bromelina, um produto de alto valor comercial, que não é fabricado no Brasil. O mercado nacional para a bromelina ainda enfrenta muitos desafios, que estão relacionados a falta de métodos mais eficazes de extração e purificação, bem como a ausência de pesquisas com os resíduos do abacaxi visando a extração dessa enzima (CÉSAR, 2005).

Introduzida pela primeira vez como composto terapêutico em 1957, a ação da bromelina inclui: inibição da agregação plaquetária, atividade fibrinolítica, ação antiinflamatória, ação antitumoral, modulação de citocinas e imunidade, propriedade debridante de pele, aumento da absorção de outra drogas, propriedades mucolíticas; facilitador da digestão, acelerador da cicatrização, melhora da circulação e sistema cardiovascular. A bromelina é bem absorvida por via oral e as evidências disponíveis indicam que sua atividade terapêutica aumenta com as doses mais altas. Apesar de todos os seus mecanismos de ação ainda não estarem totalmente esclarecidos, foi demonstrado que é um seguro e efetivo suplemento. A bromelina parece ter tanto ação direta quanto indireta, envolvendo outros sistemas enzimáticos, ao exercer seus efeitos antiinflamatórios (MATTOS, 2005).

O processo de separação da bromelina utilizando membranas é uma alternativa aos processos de separação existentes, que vem sendo muito difundido nos últimos anos. São utilizados módulos de membranas planas onde determina-se as melhores condições operacionais para a recuperação e concentração de bromelina, considerando a pressão transmembranar e a velocidade superficial, na polarização por concentração e no fouling da membrana e a influência do pH da suspensão, avaliando a atividade enzimática nas condições estudadas, bem como a quantidade da enzima nas diversas fases do projeto.

Outra técnica utilizando-se como agente precipitante, o etanol p.a. demostrou maior teor de proteínas na bromelina extraída da coroa. Nas duas precipitações a composição de aminoácidos das enzimas obtidas, apresentaram resultados inferiores aos da comercial. Resíduos agroindústriais do abacaxi, de pouco ou nenhum valor, poderiam ser transformados em produto de alto valor econômico (enzimas proteolíticas).


REFERÊNCIAS

SILVA, R.A.1,2; CADENA, P.G.1; LIMA FILHO, J.L.1,2; PIMENTEL, M.C.B.1,21LABORATóRIO DE IMUNOPATOLOGIA KEISO ASAMI, LIKA – CCB- UFPE, 53.670-910, RECIFE-PE; 2 DEPARTAMENTO DE BIOQUíMICA-UFPE ; O FÁRMACO BROMELINA: ESTUDOS FÍSICO-QUÍMICOS E CINÉTICOS;SITE: http://www.abq.org.br/cbq/2006/trabalhos2006/11/840-1021-11-T1.htm. ACESSADO EM: 05/09/09


Nelson Donizetti Rossi Jr (Bolsista SAE/UNICAMP) e Prof. Dr. Elias Basile Tambourgi (Orientador), Faculdade de Engenharia Química - FEQ, UNICAMP; RECUPERAÇÃO E CONCENTRAÇÃO DA BROMELINA, A PARTIR DO ABACAXI, UTILIZANDO PROCESSO DE SEPARAÇÃO POR MEMBRANA
AUTORES;SITE:http://www.prp.unicamp.br/pibic/congressos/xiiicongresso/cdrom/pdfN/819.pdf. ACESSADO EM : 05/09/09


Lenice O. FREIMAN2,*, A. U. O. SABAA SRUR3 Determinação de proteína total e escore de aminoácidos de bromelinas extraídas dos resíduos do abacaxizeiro (Ananas comosus, (L.) Merril )1, Ciênc. Tecnol. Aliment. v.19 n.2 Campinas maio/ago. 1999


Manoel Euzébio de Souza 1, Aloísio Costa Sampaio 2, Sarita Leonel 3 , OS BENEFÍCIOS DA BROMELINA: UMA ENZIMA EXTRAÍDA DO ABACAXI; Site: http://www.todafruta.com.br/todafruta/mostra_conteudo
Acessado em 11/09/09

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário